Home»Dicas Gerais»13 dicas para você viajar de avião com crianças!

13 dicas para você viajar de avião com crianças!

0
Shares
PinterestGoogle+

Em tempos de redes sociais, que sabemos exatamente de onde e pra onde nossos amigos vão, algo me chamava atenção: minha amiga Haruka, de Belém, viajando pra cima e pra baixo com suas crias. Agora, pra completar, ela se mudou pro Japão com a família e por esse motivo a convidei pra escrever um post dando dicas pra mamães de primeira viagem, que têm muitas dúvidas de como viajar de avião com crianças. Afinal, se você já fez um voo do Brasil pro Japão com dois pequenos, você pode qualquer coisa rs.

Photo by Steven Thompson on Unsplash
Photo by Steven Thompson on Unsplash

Agora, com vocês, as palavras dela:

Quando a Rafa fez o convite para eu escrever essas dicas para o blog, fiquei animada, pois foi depois dela visualizar uma série de posts nos meus stories da minha preparação para a segunda viagem só com as meninas.

Adoro dar dicas que possam esclarecer de alguma forma algo que muitas vezes ainda é tabu e que dá medo de arriscar, como isso: viajar sozinha com crianças pequenas.

Tenho duas filhas pequenas: a Carol, de 3 anos e meio e a Gigi, de 9 meses. Na primeira vez que viajei sozinha com as duas a Gigi tinha 5 meses.

Foi uma viagem de 6 horas, entre São Paulo e Belém, com conexão em Brasília. E a segunda viagem foi mais tranquila, com o mesmo itinerário, porém sem conexão.

As dicas que vou dar me ajudaram a ter uma viagem extremamente sossegada e espero que sejam tão úteis quanto foram pra mim:

1. Viaje com Sling!

Sling é vida! Ajuda demais a ter mobilidade e a ter as duas mãos livres enquanto que o bebê fica mais aconchegado em seu colo. Se precisar amamentar, você continuará tendo as mãos livres, pois é só desabotoar a roupa, baixar o sutiã e pronto. O bebê poderá abocanhar o peito e você continuará fazendo tudo o que tiver que fazer. 🙂

2. Viaje com roupa de botões: Facilita demais a amamentação!

3. Viaje de vestido!

Ajuda demais na praticidade de usar o banheiro. Se for em dia frio, coloque uma calça legging e evite a todo custo usar jeans. Jeans não é nada prático, tem que desabotoar, abrir zíper, baixar e subir com mais dificuldade, não é mesmo? E se você for como eu – com duas crianças a bordo – você estará praticamente sem mobilidade por estar carregando um bebê no sling – e ainda de olho na outra criança.

4. Priorize o banheiro pra criança ou cadeirante: São geralmente mais espaçosos e adaptados para situações que exigem mais espaço.

5. Se seu filho maior já desfraldou, recomendo que mesmo assim use fralda durante o voo. É muito mais prático você tirar a fralda suja de urina, do que ter que levar a criança no banheiro apertado de avião.

6. Coloque roupa prática nos seus filhos. Nas minhas filhas eu coloquei vestido e fralda apenas, para ter que tirar a fralda e repor a outra somente na conexão em Brasília. A fralda que usei nelas também foi a mais prática: a de shortinho.

7. Leve brinquedos!

O brinquedo favorito da Carol e que a distrai por horas é massinha, então eu comprei nas duas viagens massinhas novas e ela se distraiu por toda a viagem. Só pegou no sono no finalzinho do voo. Pra Gigi, que ainda era muito pequena, a distração foram os brinquedos que emitem barulhinhos (leves). Mas isso varia de criança pra criança.

Photo by Ignat Kushanrev on Unsplash
Photo by Ignat Kushanrev on Unsplash

8. Peça liberação médica para o uso de remédio para enjoo

O medicamento evita que seus filhos vomitem no voo e também faz com que peguem no sono e desacelerem – o que significa menos stress e chororô na viagem. Verifique a bula, mas geralmente é bom dar meia hora antes da partida. Gigi dormiu no trecho São Paulo/ Brasília e só acordou duas horas antes de chegarmos em Belém, no tempo em que a Carol pegou no sono. Assim pude dar atenção de igual para igual para as duas. Que benção, né?! 🙂 Ah! E leve também remédio de febre, dor de barriga, etc. É sempre bom ter em mãos caso precise.

9. Leve lanchinhos

Hoje em dia a maioria das companhias aéreas do Brasil não ofertam mais nenhum lanche, apenas o pago, então não esqueça de levar aquilo que seus filhos gostam de comer: eu levei pipoca, bolinho de arroz, suco e água pra Carol. Já pra Gigi no primeiro voo não precisou, pois ela estava só no peito, mas no segundo voo levei frutinhas já cortadas no meio e colher pra raspar.

10. Leve roupa extra

Qualquer transtorno que acontecer, você vai precisar. Seja pra trocar roupa porque vazou o que não devia da fralda, comida que caiu e sujou a roupa, etc. Isso sem falar na possibilidade de atraso e/ou extravio de bagagem.

11. Ande com uma bolsa a tiracolo

Preferencialmente de fácil acesso, e que contenha facilmente as passagens e documentos das crianças (a minha bolsa ficava atravessada em mim). Nós tínhamos 6 passagens em mãos: a de São Paulo pra Brasília e a de Brasília pra Belém, então eu deixei na ordem de uso para tirar bem facinho para os comissários e funcionários. Isso pode parecer besteira, mas experimenta fazer uma viagem sem isso em ordem: você pode perder vários minutos procurando e organizando, enquanto seus filhos esperneiam por algum motivo.

12. Converse bastante com seu filho maior, se ele já for mais entendido.

Prepare-o para a viagem. Chame a responsabilidade para ele também. Diga que precisará da ajuda dele e que ele terá que se comportar. Incentive dizendo que ele vai te trazer felicidade e orgulho se não te der trabalho. A Carol ficava repetindo toda hora: “tô me comportando né?! Você tá feliz né?!??” 🙂 🙂 🙂

13. Tire uma foto no final do voo para lembrar desse dia de coragem que você teve! É inesquecível uma viagem só com os filhos e pode apostar: depois desse dia você terá coragem até de ir pro Japão com eles. Eu fui! 🙂

Como é viajar de avião com crianças
Como é viajar de avião com crianças
E esse sorriso?
E esse sorriso?

Espero ter ajudado!

Beijos!

CONTINUE LENDO:

Post anterior

O que fazer numa conexão na Cidade do Panamá?

Next post

O QUE VER EM PARIS EM 3 DIAS: ROTEIRO RÁPIDO E ENXUTO

Sem comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.