Home»Moradias»Brasil»Belém - PA»Como é morar em Belém: O que saber antes de se mudar

Como é morar em Belém: O que saber antes de se mudar

13
Shares
PinterestGoogle+

Como já escrevi sobre morar em Natal e no Rio, nada mais justo que compartilhar minha experiência sobre morar em Belém, minha cidade natal.

Pra quem não sabe, morei na capital paraense até meus 21 anos de idade e desde então ao menos 1x ao ano volto para ver minha família e amigos. Por conta do trabalho da minha mãe na época, tive a oportunidade de morar em vários bairros na cidade, e até mesmo na região metropolitana. Morei em bairros bons e em ruins, e por isso tenho bastante conhecimento sobre o assunto, não estando “presa” a nenhum deles.

Por ter saído há muitos anos de minha cidade, pedi ajuda a alguns amigos que ainda moram lá pra que me atualizassem sobre determinados assuntos.

Se tu, por algum motivo, pretendes ou precisas morar na Cidade das Mangueiras, sugiro que leias esse post até o fim pra teres mais noção do que te espera. E que te acostumes com o uso da segunda pessoa, conjugado corretamente, muito comum por lá. 🙂

ASPECTOS GERAIS

Fundada em 1616 pelos portugueses, Belém tem clima equatorial, sendo a capital mais chuvosa do país. E é verdade, por lá chove quase todos os dias! A umidade relativa do ar é sempre muito alta, girando em torno de 90%, o que faz com que você já saia do banho suado.

De acordo com o último censo, a cidade possui uma população de 1.452.275 habitantes, fora a região metropolitana, o que faz dela uma das mais populosas da Região Norte, sendo menor em população somente que Manaus, que tem pouco mais de 2 milhões de habitantes.

CUSTO DE VIDA

Apesar de não ser uma cidade economicamente muito importante a nível nacional, o custo de vida em Belém não é tão baixo quanto muitas capitais do Nordeste, por exemplo. Comer fora não é barato, gasolina não é barata (4,379 o litro/junho 2018), aluguel em bairros bons não é barato.

Pra um casal sem filhos, pense numa média de R$5 mil pra viver razoavelmente bem (pagar aluguel em bairro razoável, lazer sem luxo, ter e manter um carro popular). Óbvio que isso vai variar de acordo com o estilo de vida de cada um, por isso cito esse valor apenas como um parâmetro.

De acordo com o DIEESE, em matéria divulgada em março de 2018, Belém figurava como a 11ª capital mais cara do país pra se fazer supermercado, tendo como base a cesta básica de consumo. Pra compras do mês, fuja de supermercados como o Líder, se o intuito for economizar. Há opções mais em conta como o Atacadão (Grupo Carrefour), Armazém e Assaí, sendo esse último, segundo um amigo dono de restaurante, disparado o mais barato.

Belém (Celpa) aparece nos primeiros lugares no ranking das tarifas de energia elétrica mais caras do país (ano 2018). Tirei a imagem abaixo do site da Aneel pra vocês verem os valores exatos. Some isso ao fato que Belém é uma cidade quente o ano inteiro, e que se quiser ter um pouco mais de conforto terá que ter ar-condicionado em casa.

RANKING NACIONAL DE TARIFAS RESIDENCIAIS - Fonte: ANEEL
RANKING NACIONAL DE TARIFAS RESIDENCIAIS – Fonte: ANEEL

EMPREGO

As atividades relacionadas à administração pública, comércio e serviços, juntas, respondem por mais de 60% da economia da cidade. Caso você seja de fora e pense em morar em Belém, muito provavelmente será porque passou em algum concurso público ou vestibular em universidade pública.

Caso queira aventurar em procurar emprego na cidade, saiba que é bem difícil achar, os salários são baixos e que na maioria das vezes pra você viver bem ou você passa num bom concurso público ou empreende, salvo se você for médico, por exemplo, que ainda consegue ter uma boa remuneração na cidade.

EDUCAÇÃO

Belém é uma cidade bem servida de escolas, com opções pra todos os bolsos. As mais tradicionais são em maioria católicas, como Colégio Gentil, Colégio Santa Catarina, Colégio Santa Rosa e Colégio Nazaré – Marista.

Desses colégios, o mais caro é o Nazaré, sendo uma das “escolas de elite” da cidade. Todos os filhinhos-de-papai da cidade tendem a estudar lá. Apesar disso, não é o que mais aprova no vestibular, sendo esse o Colégio Equipe, com altíssimo índice de aprovação.

Meu marido estudou no Santa Catarina e eu no Gentil, ambos bons colégios e de formação católica. Conheço gente que estudou no Santa Rosa que teve aproveitamento de 100% no Enem. Outra escola boa e tradicional na cidade é o Ideal, onde já estudei mas particularmente não me adaptei e só fiquei 1 ano.

Pra quem busca creche, segundo meus amigos que moram em Belém, boas referências são a Colibri, Anjinho Aprendiz, Educare e Maple Bear (ensino bilíngue, canadense).

Educação infantil bons nomes são o Ceai, Step by Step, Peteleco e Santa Emília. Desses, conheço pessoalmente o Ceai, pois meu irmão estudou lá. O ensino era bom, tinha boas instalações, porém era pequeno, na época que meu irmão estudou só ia até o 5° ano do fundamental.

A título de informação, na educação infantil com R$600 você consegue matricular seu filho em algumas dessas escolas citadas. Pra crianças maiores (ensino fundamental), pense num valor de aproximadamente R$1.000 (valores 2018).

Um dos melhores colégios da cidade, entretanto, é uma escola pública militar. A Escola Tenente Rêgo Barros possui ensino rígido, com foco em disciplina, alta qualidade, é difícil de entrar e de sair também rs. Até onde eu sei, é voltado para filhos de militares da Aeronáutica e há esporadicamente um processo seletivo externo. Figura sempre no ranking estadual das maiores notas do Enem.

Belém tem uma oferta até grande de faculdades particulares, sendo as mais tradicionais a Unama e o Cesupa. De públicas, UEPA (estadual), UFPA (federal), IFPA (federal) e UFRA (federal), obviamente as mais concorridas nos processos seletivos.

MORADIA: TRANSPORTE, SEGURANÇA E BAIRROS

Tenha em mente ao alugar casa em Belém que o trânsito da cidade é caótico e que não há metrô. Quando digo caótico, é caótico mesmo, com trânsito a todo momento, maior ainda no horário de rush. Por isso, recomendo que alugue um imóvel perto do seu local de trabalho/estudo. Caso não seja possível, você ficará refém do trânsito e do transporte público de qualidade bem mais ou menos.

As opções de transporte na cidade além dos carros particulares são os ônibus, BRT, táxis e carros de aplicativos, como Uber e 99.

Outra coisa triste de dizer é que assim como nas grandes cidades, mesmo nos bairros considerados bons, a segurança não é boa. Belém é uma cidade perigosa, figurando no ranking como a 10° cidade mais violenta do mundo (veja o ranking aqui pra não achar que tô exagerando). Pra quem mora no Rio, falar isso é no mínimo curioso. Infelizmente já fui assaltada 3x em Belém e nunca fui assaltada no Rio.

Por esse motivo, se você é de fora e não conhece a cidade, recomendo que opte pelos seguintes bairros:

Os melhores

Nazaré, Umarizal e Batista Campos

Os três são considerados muito bons, tendo boas escolas, supermercados, médicos, academias de qualidade, restaurantes e centro comerciais. Geralmente tudo que há de melhor na cidade está concentrado nesses três bairros, salvo algumas exceções.

Consequentemente, os preços são os mais caros também. Imóvel nas proximidades da Visconde de Souza Franco “Doca”, Avenida Nazaré, Praça Batista Campos e Brás de Aguiar são os mais valorizados. As escolas citadas nesse post, em maioria, ficam nesses bairros.

Perguntei pra uma prima que é corretora de imóveis em Belém e ela disse que o mais caro é o Umarizal. Complementou também que o mais comum na cidade é buscar imóveis nos classificados em jornais impressos ou OLX, sendo o jornal impresso ainda de maior relevância na cidade.

Dica: Jornal O Liberal é o de maior circulação.

Um bom apartamento padrão (2 quartos, com vaga de garagem) gira em torno de R$2500-R$3000, tendo mais caros e mais baratos, a depender da qualidade do imóvel.

Bons bairros

Marco, Pedreira e São Brás

Esses três bairros têm ressalvas, sendo necessário ter um pouco mais de cuidado na hora de pesquisar.

Desses três, o mais central é São Brás, com bons imóveis a depender da localidade. Marco é um bairro tradicional e tem tudo: academias, supermercados, grandes hospitais e algumas escolas. Não é longe do centro e é bem servido de transporte público.

Na Pedreira há um comércio forte, prédios novos bonitos e de alto padrão, mas dependendo da área do bairro pode ser um pouco mais perigoso (por isso as ressalvas).

Há outros bairros bons em Belém, mas pra não estender muito o post vou citar apenas esses. Caso queira saber de algum mais específico, basta perguntar que vou tentar responder todos. 🙂

LAZER

O lazer em Belém é muito voltado para atividades como comer fora, ir ao shopping, ir ao cinema. Futebol também é bem comum, sendo os dois times mais famosos do Estado o Paysandu e o Remo, sendo os locais fanáticos por esses times e marcando presença nos estádios regularmente.

A vida noturna em Belém até que é animada, tendo sempre alguma opção aos finais de semana, pra todos os gostos. As baladinhas mais caras estão concentradas no bairro do Umarizal.

Sair pra comer é de longe o que o paraense mais gosta de fazer – e eu me incluo aqui. Entretanto, não é tão barato quanto se pensa. A gastronomia paraense é – a nível nacional – muito famosa, tendo Belém um dos melhores restaurantes do país. Porém, há sempre uns achados. Mas pra quem vem de algumas capitais do Nordeste ou do interior, por exemplo, provavelmente vai achar tudo caro.

Estação das Docas: Um dos principais pontos turísticos de Belém
Estação das Docas: Um dos principais pontos turísticos de Belém

Pra atividades mais turísticas recomendo que leia o post O que fazer em Belém.

No verão amazônico, que em julho atinge seu ápice, os locais fogem para as praias, como Mosqueiro (80 km de Belém) e Salinas (220 km). É o tipo de lugar que todo belenense já foi ao menos uma vez na vida e onde provavelmente passa a maior parte de suas férias/feriados.

CONSIDERAÇÕES

Saí de Belém no início de 2009 e particularmente não sinto vontade de voltar a morar, apesar de gostar muito de visitar a cidade pra rever pessoas queridas e matar saudade da comida, especialmente em outubro, quando acontece o Círio de Nazaré, o Natal dos paraenses.

Morar em Belém: O Círio de Nazaré faz parte da cultura do povo
Morar em Belém: O Círio de Nazaré faz parte da cultura do povo

Acho o povo de Belém muito caloroso, hospitaleiro e alegre, com sotaques e gírias peculiares e, de todos os lugares que já morei, o povo paraense consegue ser o mais aberto e receptivo, mas talvez eu ache isso pelo fato de eu ser uma local, o que faz a diferença.

Por mais que possa parecer polêmico, essa simpatia vem mais da população de origem mais humilde e mais simples, sendo o povo com melhores condições de vida, muitas vezes, um pouco metido à besta, muitas vezes vivendo de aparência. Tenho consciência que isso existe em todo lugar, mas em Belém tenha em mente que isso existe bastante. As mulheres – até pra ir ao shopping – costumam ir montadas e arrumadas, cheias da grife e com bolsas compradas nos outlets de Miami. Tipo assim. Amo meu povo, mas após tanto tempo morando longe e depois de ter conhecido culturas diferentes, algumas coisas ficaram mais evidentes.

Outro ponto negativo é o trânsito, que é péssimo e com muita gente mal-educada ao volante, o que, infelizmente, é a realidade de muitas capitais que já morei.

O calor é bizarro. Sim, depois de tantos anos longe acho que desacostumei. Ou melhor, não tem quem se acostume rs. Alta umidade, calor e muito suor são características presentes.

Algo muito positivo é a comida. Que povo que come bem! 🙂 Eu, particularmente, adoro o tempero e a comida paraense, que pra mim não perde pra nenhuma outra.

Tentei abordar no post os assuntos mais buscados por quem procura informações para planejar uma mudança. Caso tenha ficado alguma dúvida, escreve aí nos comentários. 🙂

CONTINUE LENDO:

Post anterior

Roteiro de 1 dia em Lucerna: Um bate-volta à cidade

Next post

O que não pode faltar na minha mala de viagem

123 Comments

  1. JESSICA BEATRIZ DOS SANTOS SILVA
    02/10/2018 at 9:47 pm — Responder

    Olá, Rafa.
    Adorei seu post!
    De longe, o mais explicativo que encontrei até hoje.
    Estou sendo transferida de SP para Belém e, como nunca estive lá, preciso me informar a respeito.
    Estou bastante apreensiva sobre a violência na cidade, pois sou mae de um bebê de 2 anos e iremos apenas ele, minha mãe e eu.
    Você acha que vale a pena embarcar nessa?
    Agradeço pelo retorno.
    Atenciosamente,
    Jéssica

    • 03/10/2018 at 11:17 am — Responder

      Olá Jessica! Fico feliz que tenha gostado do post! Belém é uma cidade perigosa sim, mas na medida do possível as pessoas vivem, vão a restaurantes, saem à noite, e têm uma vida “normal”. Porém, a atenção é redobrada a todo momento e é imprescindível escolher um bairro “menos pior”. Desejo boa sorte a você e qualquer outra dúvida é só perguntar!

    • Giane
      08/12/2018 at 12:27 pm — Responder

      olá Rafa e Jessica
      Tudo bem? Também estou indo de São Paulo para Belem , Jessica como esta sua adaptação, estou indo sozinha com meus filhos de 7 e 12 anos,
      Rafa como é a questão de babas (caras??? ) alguem que me ajude a cuidar das criancas pois terei que viajar

      • 10/12/2018 at 10:02 am — Responder

        Oi Giane, babás não são muito caras como nas grandes cidades do país (RJ e SP), mas no momento infelizmente não tenho ngm pra indicar. Bjs e boa sorte!

    • Júlia Soares
      08/01/2019 at 9:22 am — Responder

      Oi, amore! Moro em Belém e infelizmente a cidade é bem perigosa mesmo. Eu tenho 18 anos e já fui assaltada 2x e tenho amigos que já perderam até a conta. A violência é presente em qualquer lugar, independente se é um bairro bom ou não. Não é um lugar ruim de se viver, basta apenas ter alguns cuidado que todo paraense já decorou: Não andar com celular na rua, não andar com coisas valiosas em sua bolsa, não andar com mochila nas costa, não andar com celular no bolso, não andar sozinha a noite, se ver moto suspeita ou bicicleta, atrevesse a rua , tente andar rápido mas discretamente, não ande por baixo do viaduto da br/ augusto, evite andar praça do Relógio kkk.

      • 08/01/2019 at 1:15 pm — Responder

        Você falou tudo kkk

        • Fer
          29/09/2019 at 11:17 pm — Responder

          Sou de Natal, tenho 25 anos e morei cerca de um ano e meio em Belém! Acho importante compartilhar a experiência aqui! Mas lembrem-se que toda a experiência é única e individual!
          Belém é uma cidade extremamente cara! Com poucas opções de lazer! Trânsito caótico e baixa qualidade em educação, tive o desprazer de estudar um ano na UFPA, péssima infraestrutura, administração e ensino! Em Belém as faculdades boas são as particulares, como a cesupa! Alta desigualdade social, não existe classe média em Belém, ou se é muito rico ou pobre!
          O Clima é péssimo, parece que você vive dentro de uma panela de pressão! No verão amazônico você sai à noite e passa mal com o mormaço! Pelo menos comigo, as pessoas não foram receptivas! Serviços péssimos! Conta de luz altíssima! Enfim, essa foi minha experiência! Ah… o saneamento de Belém é praticamente inexistente! Água sai barrenta da torneira! Também achei os hospitais bem precários, inclusive o Adventista que dizem ser o melhor de lá!

          • 03/10/2019 at 10:09 pm

            Oi Fer, desculpa, não sei que curso você estudou na UFPA mas conheço muita gente que estudou lá e hoje está muito bem, com capacidade pra competir de igual pra igual com pessoas formadas em universidades tops do Sudeste. Cesupa, apesar de bom, nunca terá o peso da UFPA… rs. Mas opinião é realmente é algo muito pessoal. Um exemplo disso é que já morei em Natal e não achei essa maravilha também… então é questão de opinião e experiência vivida. De qualquer forma obrigada pelo seu comentário, é sempre bom ler opiniões de pessoas de fora. Um abraço!

      • Marcio L Oliveira
        21/03/2019 at 7:07 pm — Responder

        Muito bom seu Post, Rafa ! Muito boa tambem a sua i.iciativa pois ajudara muito a quem pretender mudar pra cidade de Belem , eu.moro mo Rio e apesar de todos os problemas qje existe Rio .eu adoro.minha cidade , ja estive em Belem e goateu muito da cidade porem fui a passeio e a passeio tudo parece marabilhoso . Estive em Mosqueiro tambem . Muito.legal praia de Rio . Parabens mais uma vez ! Abçs

        • 21/03/2019 at 9:37 pm — Responder

          Olá Marcio! Que bom que você gostou do post!! Obrigada pelo carinho! Enquanto o Rio é uma delícia Belém tem muitas delicias…rsrs. Um abraço!

          • Luiz sampa
            28/01/2021 at 9:07 am

            Olá Rafaella, tudo bem? Morei em Belém por mais de ano, meu, vou te contar um segredinho rss..e como tem delícias em Belém…?

          • 30/01/2021 at 10:24 am

            Demais, né? Uma das coisas que mais sinto falta é das comilanças paraenses… rsrs

      • Marcos santos
        08/11/2020 at 4:13 am — Responder

        Bem visto a parte do viaduto…kkkk

      • ERICK PINHEIRO SANTOS
        05/02/2021 at 10:37 am — Responder

        Gente seria até engraçado né se não fosse verdade kkkk

  2. TIAGO VINICIOS POLICARPO CORTES
    11/10/2018 at 8:40 pm — Responder

    Olá!!!
    Passei em uum concurso para UFPA, deve ficar lotado no campus principal, proximo ao Guamá. O salário não é muito alto, mas vai da pra viver, qual bairro me aconselha?? obrigado!!

    • 12/10/2018 at 10:54 pm — Responder

      Olá Tiago, citei os melhores bairros da cidade no post, alguns desses não são caros (São Brás e Marco, por ex). São bairros bons, apesar de não estarem bem no centro, e com uma oferta grande de ônibus. Dê uma olhadinha. Um abraço!

      • Sonia
        10/03/2020 at 11:24 pm — Responder

        Olá Rafa, adorei seu post, com certeza me ajudou bastante.
        Existe a possibilidade de eu ir morar em Belém, e se eu for, meu filho estudará no colégio militar.
        Qual bairro próximo a este colégio vc recomenda para morar?
        Obrigada e parabéns!

        • 11/03/2020 at 8:02 pm — Responder

          Olá Sonia! O bairro do Marco é uma ótima opção. 🙂 Boa sorte na mudança!

    • Regina Maria
      22/09/2019 at 1:04 pm — Responder

      Rafa, parabéns pela sua boa intenção de informar sobre nossa cidade. Diferente de você, sou paraense com muito amor e tenho o dobro de sua idade. Já morei em diversas cidades do Brasil. Só no Rio foram 3 vezes, agora tbm moro na desejada Sampa. Mas, desculpe o meu direito de pedir sua ponderação em alguns pontos: Belém têm violência? Tem, porque como qualquer outra grande metrópole, é tbm desumana e injusta. Das riquezas, você parece que não a conheceu até aos 21 anos, quando saiu de lá. Peço licença ao Comendador Mário Sobral, para usar sua expressão carinhosa, “Manga City”, tem riquezas que só quem a traz no coração pode perceber: cultura, música, sabores, cheiros, religiosidade, beleza natural, arquitetura (prejudicada), chuva, vento (Rio e Sampa são abafadas), sol, céu azul, baía e Rio Guama, praias de rio com ondas, para resumir cito o que considero o mais importante, o paraense! Fora as exceções, são pessoas gentis, amáveis e generosas, que se importam e dão atenção aos amigos. Existe solidão, depressão e suicídio, existe, mas ninguém vive como louco correndo e empurrando os outros nas estações de metrô. É triste as pessoas precisarem de programas para combater solidão e sindrome do pânico. Quanto aos supermercados, parece que vc ainda não entrou nas lojas dos bairros centrais de Sampa e do Rio, as “lojas express”. Procure entrar em algum Pao de Açúcar, Extra, Dia, Carrefour, não tem como descrever. Não os conheço, mas os donos das Redes Líder e Nazaré, têm meu respeito e tbm do dono de uma dessas redes que conheci aqui em Sampa, ele me disse que não conhece cidade com melhores supermercados que Belém. E as nossas Oplima e Di Casa? Ficam em pontos estratégicos e deixam longe as Leroy Merlin. Vou deixar um convite para as pessoas que precisam morar em Belém, e ficaram, apavoradas. Se vc precisa ir morar em Belém, vá fazer uma visita antes e procure olhar com isenção, descubra os pontos positivos e negativos. Belém não é o fim do mundo. É um lugar de gente que ama e vive. Para vc Rafa, gostaria de convida-la, se possível, para um tranquilo passeio em Sampa e um acai, verdadeiro, em Belém. Não sei até quando preciso ficar em S Paulo. Mas como o poeta, todos os acordo e oro pela minha gente assim: ” … “Deus, me dê forças para um dia poder voltar, para minha amada terra que tem mangueiras, onde cantam muitos pássaros. Não permita Deus que eu morra, sem um dia voltar lá”. Sou grata, amo e respeito todos os lugares e as pessoas onde já precisei morar e trabalhar. Desejo muito sucesso a você e todos que fizeram comentários e tiveram paciência de ler meu desabafo.

      • 08/10/2019 at 9:44 pm — Responder

        Oi Regina, acho que todos os lugares existem pontos bons e pontos ruins. Quando vc afirma que “diferente de mim, é paraense com muito amor” você está pisando em um campo desconhecido: o que eu sinto, de fato. Assim como você também já morei em diversas cidades do Brasil – e no exterior, e Belém sempre terá lugar especial no meu coração. Reconheço a enorme riqueza cultural que nossa cidade carrega. Porém, apesar de ter carinho enorme pela minha cidade, também sou realista. Justamente por já ter morado em muitos lugares, passei a ter um senso um pouco mais crítico das coisas. Quanto aos supermercados, Belém tem boas opções porém não dá pra tomar como referência para comparação os supermercados pequenos do centro paulistano, cada vez mais engolidos pelas grandes construções e por metros quadrados com preços exorbitantes. E não dá pra comparar o tamanho de uma multinacional que é a Leroy Merlin com as lojas locais Oplima e etc, que são boas, mas voltadas para o povo local e mais limitadas (tente fazer uma compra online em qualquer dessas lojas de Belém ou procurar um site, por exemplo). Concordo totalmente com vc quando diz às pessoas para que visitem a cidade antes de tomar a decisão de mudar-se, pois cada um tem uma experiência e opinião diferente. SP tá longe de ser o paraíso e também não tenho planos de morar aqui pra sempre, então que a gente siga vivendo um dia após o outro e aprendendo com pontos de vistas diferentes, né? Um abraço pra vc!!!

      • Lea Vitoria
        18/02/2021 at 8:51 am — Responder

        Olá Regina, grata por suas palavras. Achei o post da Rafaella um tanto ¨desanimador …¨
        Sou de Belém, onde morei até meus dezenove anos em seguida fui morar em duas cidades do interior, por conta do trabalho e aos 25 anos saí do estado do Pará.
        Tenho lembranças maravilhosas de Belém, do Bairro S. Braz onde morava. Do museu, do bosque, etc.
        Sei que as coisas mudam, que não vou encontrar, ou ver com os mesmos olhos lugares de antigamente. Até porque este estado que atualmente vivo em Alagoas, também era tido como um dos mais violentos do país e no lugar onde tenho minha casa, próximo a Praia do Francês, considero um pequeno paraíso.
        Espero poder passar uns meses aí com alegria e renovação da das lembranças felizes de antigamente.

  3. Deusarina
    18/10/2018 at 2:17 pm — Responder

    Eu moro na España, más meus filhos vivem en Belem, na Augusto Montenegro e graças a Deus tudo bem, ai voce encontra tudo más barato.

    • 19/10/2018 at 10:11 am — Responder

      Verdade! Eu já morei na Augusto Montenegro também. É mais barato mas pra quem trabalha ou estuda no centro o trânsito é meio complicado… a avenida tem trânsito carregado demais. Um abraço e obrigada pelo seu comentário!

  4. Ronaldo Santana
    20/10/2018 at 9:39 am — Responder

    Muito boa tua postagem, Rafaella. Pretendo morar em Belém e as informações que você passou me foram muito úteis. Abraço.

  5. saulo
    25/10/2018 at 9:40 pm — Responder

    Olá Rafaella, recebi um convite para trabalhar em Belém e seu post contribuiu bastante sobre a minha tomada de decisão! Parabéns pela publicação!

    • 26/10/2018 at 1:42 pm — Responder

      Oi Saulo! Fico muito feliz em ter ajudado!!! Desejo boa sorte e sucesso na minha terrinha!! Abraços

  6. Jacqueline
    02/11/2018 at 1:44 pm — Responder

    Mudarei para Belém no início do mês.Optei pelo bairro do Marco e Colégio São Paulo! Acha que fiz boas escolhas?;)

    • 03/11/2018 at 3:48 pm — Responder

      Fez sim, dependendo de onde vá morar no Marco dá pra ir andando hehe. Um abraço e boa sorte na mudança!!! Seja bem vinda desde já! 🙂

  7. Telma Machado
    05/11/2018 at 9:28 pm — Responder

    gostei muito do seu post. Estou em Brasília e pretendo ir passar uma temporada. Pousadas ou hoteis, em um desses bairros custa em torno de quanto?

    • 06/11/2018 at 10:54 am — Responder

      Olá Telma! Fico feliz que tenha gostado. Pra saber o preço exato de acordo com a data que pretende ir sugiro que acesse o post /o-que-fazer-em-belem/ que lá sugiro alguns hotéis bem localizados (com links). Caso faça a reserva pelo link você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog 🙂 Um abraço e seja bem vinda desde já à minha cidade!

  8. Carlos Bento Lisboa Filho
    07/11/2018 at 12:55 pm — Responder

    Boa tarde Rafaella,
    me Chamo Carlos Lisboa, atualmente moro em SP e estou com uma possível oportunidade de morar no Pará com meu marido, estamos na duvida devido o trabalho dele ser em Barcarena, porém estamos em dúvida entre morar em Belém ou Barcarena, pois bem, eu nasci, cresci e vivi aqui em SP, porém como companheiro estou indo iniciar uma nova vida lá, esperançoso que eu me acostume, goste da cidade e de tudo certo…
    você me indica alguma coisa? Algo a me dizer com essa aventura que estou querendo fazer?

    • 08/11/2018 at 10:38 am — Responder

      Oi Carlos! Como vc mora em SP deve estar acostumado com uma vida mais animada, algo que pode estranhar muito em Barcarena, onde é tudo mais tranquilo e sem muitas opções de lazer… em Belém você terá mais opções de tudo. Muita gente mora em Belém e trabalha em Barcarena, pense nessa possibilidade. Muitas empresas grandes de Barcarena fornecem esse transporte para os funcionários, veja se não é o seu caso. Um abraço e desejo boa sorte a você!!

  9. Cristiano
    12/11/2018 at 9:41 am — Responder

    Oi Rafaela tudo bem? Eu minha família iremos morar em Belém à partir de janeiro. Eu irei trabalhar no Umarizal e meu filho irá estudar no Colégio Militar na Av Almirante Barroso. Consideramos morar no Umarizal e Nazaré, porém, o aluguel nesses bairros estão caros. Estamos analisando os bairros de Marambaia, Parque Verde e Parque Guajará. O que vc pode nos dizer desses bairros. Obrigado pela atenção!!

    • 12/11/2018 at 11:28 am — Responder

      Oi Cristiano, desses que vc falou o “menos inseguro” é a Marambaia, mas vai depender exatamente da localidade. Os demais não são perto do centro, são um pouco perigosos e você vai pegar um trânsito enorme pra ir pro Umarizal. Tenta procurar no bairro da Pedreira ou Marco. Boa sorte!

  10. Simone Lopes Antunes Prandini
    22/11/2018 at 10:23 am — Responder

    Rafa gostei muito das suas dicas e informações .. vou morar em beky no ano que vem talvez vc disse que tem uma irmã corretora vc pode me passar o contato dela por e-mail por favor

    • 26/11/2018 at 11:59 am — Responder

      Oi Simone! Desejo boa sorte na mudança! Ela na verdade é minha prima hehe. Envie um email para sacvendas@mazevedo.com 🙂

      • Simone Lopes Antunes Prandini
        29/11/2018 at 2:23 pm — Responder

        Oi muito obrigada. É como ela se chama!?
        Tenho um bebê q vai fazer um ano sou só interior de SP estou indo pois meu marido esta a trabalha em Belém PA e Barcarena PA , atualmente ele mora no bairro Marco mas fica ah 2hs do trabalho dele que é mais propróx parece entre Ananindeua PA e marizal , vc conhece?! …seria mais perto do serviço dele e menos trânsito.

        • 29/11/2018 at 4:15 pm — Responder

          Oi Simone! Entre Ananindeua e Umarizal? Ananindeua já é região metropolitana, bem distante do Umarizal. Não entendi sua pergunta. Mas desses que você falou, conheço todos sim. Marco é um bairro bom, Umarizal também (esse mais caro).

  11. Yeds
    27/11/2018 at 6:47 pm — Responder

    Olá fui convidada pra trabalhar no CIIR, como é o bairro por lá???

    • 28/11/2018 at 1:35 pm — Responder

      Desculpe, mas o que é CIIR?

      • Célia
        31/01/2021 at 9:31 pm — Responder

        Oi Rafa , abusando de sua boa vontade, sou de PE e minha filha vai estudar na UNIFAMAZ , me indica um bairro um pouco mais seguro é fácil dela se adaptar , pois vai morar sozinha.

        • 07/02/2021 at 12:49 pm — Responder

          Olá Célia! Reduto, Umarizal, Nazaré… todos esses são perto ou relativamente perto da faculdade e são bairros bons. Desejo boa sorte à sua filha! 🙂

  12. Andre
    02/12/2018 at 10:04 am — Responder

    Parabéns pela iniciativa Rafaella. Qual melhor bairro para se morar mais próximo ao aeroporto?

    • 03/12/2018 at 3:40 pm — Responder

      Olá André! O Marco, apesar de não ser tããão pertinho, tem fácil acesso para o aeroporto, especialmente as imediações da Avenida Duque de Caxias. Um abraço e boa sorte!

  13. Waldir Araujo
    06/12/2018 at 11:28 pm — Responder

    Boa noite Rafaela, vi esse espaço criado por você e achei muito legal. Em 2003 morava em SP (capital) e após ser aprovado em um concurso fui moram em Belém com minha esposa (na época gestante de 5 meses), no início tinha muitas dúvidas como qualquer novo morador, e muitos receios, chegando em Belém me decepcionei com a cidade, achei muito suja e desorganizada, mas fui abstraindo tudo e me deixando levar pelo novo, no início morei no Bairro da Marambaia (gostei muito), depois mudei-me para o Marco (gostei da localização) e agora moro no Tapanã (proximo da Aug Montenegro). Sobre a violência, infelizmente predomina em todo Brasil, mas devemos nos precaver e evitar situações de exposições desnecessárias, eu estudei de 2011 à 2016 na UFPA (Campus Guamá) que está localizada em um local considerado perigoso, algumas vezes ia de carro para a aula outras vezes de ônibus e nunca tive a infelicidade de nada ruim me acontecer. Os bairros mais top como Nazaré, Umarizal e Batista Campos são excelentes locais para morar mas também não são 100% seguros. Hoje moro em Belém há mais de 15 anos e já estou adaptado a cidade, nem tudo é flores, sobre o trânsito eu não senti muito pois afinal de contas morava no caótico trânsito de SP, e escolas que recomendo são as mais tradicionais Gentil Bittencourt, Santa Catarina, São Paulo e Santa Rosa (não sou fã do Colégio Nazaré) aos que podem pagar um colégio, e aos que querem ensino gratuito de qualidade uma excelente opção é o NPI (escola de aplicação da UFPA, localizada na av Perimetral). Aos que chegam em Belém seja bem vindos, e saibam que no final tudo vai dar certo!

    • 07/12/2018 at 7:49 am — Responder

      Olá Waldir! Adorei seu relato!! Muito bom saber um pouco mais da historia de vocês e poder compartilhar a experiência com os outros leitores. Fico feliz que tenha se adaptado! Um abraço!!

  14. Lisandro
    19/12/2018 at 10:09 pm — Responder

    Prezada Rafaella,

    Gostei muito de seus comentários, e gostaria me ajudasse com a minha dúvida.
    Moro em Campinas, SP e trabalho em SP capital numa empresa de energia. Não estou desconfortável na minha empresa, tenho um salário adequado, porém ainda insuficiente para os estândares de SP. Além disso tenho uma qualidade de vida muito ruim, pois tenho que viajar todo dia de Campinas a SP e mudar para SP capital fica bastante mais caro para mim.

    Tenho a possibilidade de fazer concurso em Belém com um salário apenas 4% menor que o meu atual, a pesar de que hoje tenho todos os benefícios das empresas de SP (PLR, VR/VA, bonus, seguro médico, etc).

    Você acha que vale a pena? Teria a chance de levar em Belém um nível de vida similar ao que tenho hoje em Campinas com quase o mesmo salário mas sem todos os benefícios que mencionei, porém tendo a tão procurada estabilidade que proporcionam os concursos públicos? Somos uma família, minha esposa, dois filhos (8 e 13) e eu, procuramos uma vida tranquila e sossegada, precisamos boa educação para nossos filhos, aqui em Campinas uma escolha privada pequena de bairro para ensino fundamental chaga quase a 800 isso sem materiais e rematricula e em SP nem falar.

    Quanto acha que seria o custo de vida para a minha família em Belém alugando apartamento ou casa de 3 quartos, não pretendemos luxos, só um padrão normal de vida, segurança até onde seja possível é prioridade, escolas boas também e saúde.

    Gosto muito da praia e sempre foi meu sonho morar numa cidade do litoral. A vida é sossegada o suficiente em Belém como para desfrutar de lazer os finais de semana? a vida em SP é um caos e ainda quando imagino que SP tem uma infraestrutura muito melhor que Belém, não serve de nada quando seu salário não da conta e você fica preso do caos da cidade.

    Espero não atrapalhar muito com as minhas dúvidas, se alguém mais pode dar a sua opinião, será muito bem vinda.

    Muito obrigado!

    • 20/12/2018 at 8:33 am — Responder

      Olá Lisandro! Morei em SP 6 anos e sei bem do que está falando. Porém, não querendo desanimar você, mas Belém é uma cidade com bastante problema de segurança pública, então mesmo que more no bairro mais nobre ainda assim não poderá ficar tranquilo ao ponto de querer morar em casa, por ex (o ideal é morar em apartamento). Praia tem a 80 km de distância, na Ilha de Mosqueiro, e é de água doce. A cidade em geral não tem infraestrutura comparável a SP, mas dependendo de onde more terá acesso a tudo com mais facilidade: escolas, hospitais, shoppings, supermercados grandes, etc. Sugiro que busque bairros como Umarizal, Nazaré ou Batista Campos, pois são os melhores da cidade pra quem quer estar perto de tudo. O trânsito em Belém é caótico, então morar perto da escola/trabalho é fundamental pra ter qualidade de vida. Acredito que sua família vive confortável (sem luxos) com uma renda de aproximadamente R$10 mil (pense em algo em torno disso). Desde já desejo boa sorte!!! 🙂

  15. Talita
    06/01/2019 at 1:26 am — Responder

    Olá Rafaela tudo bem ? Eu e meu noivo estamos de mudança para Belém agora em Janeiro/2019. Ele passou num concurso público e por isso vamos. Gostaria de saber o que você acha de um condomínio fechado no bairro Coqueiro (se eu não me engano se chama Consominio Bela Vista II). Já li sobre o q vc disse sobre o transito, mas somos paulistanos kkkkk. Com relação à segurança o que vc me diz ? E também. Qual renda vc acha suficiente para uma vida de classe média para um casal?!? Sou designer de unhas. Você acha que tenho possibilidade de empreender nesse segmento ? Obrigada e aguardo resposta!!! ????

    • 06/01/2019 at 6:30 am — Responder

      Oi Talita! Coqueiro não é das melhores opções, mas talvez uma casa num condomínio fechado seja mais tranquilo. Muitas de suas perguntas já foram respondidas aqui nos comentários e no próprio post, dê uma olhadinha. Bjs e boa sorte na mudança!

  16. 29/01/2019 at 9:50 pm — Responder

    Oi, boa noite! Tudo bom?
    Provavelmente, irei morar em Belém por um período. Vc teria algum corretor de confiança para me ajudar a achar um apt bom, mobiliado, num bairro bacana, onde eu possa morar? ?

    • 31/01/2019 at 9:06 am — Responder

      Oi Liana, tudo bem? No momento não tenho nenhum corretor pra indicar, mas sugiro que acesse sites como viva real e zap imóveis. Bjs e boa sorte!

  17. Guilherme
    07/02/2019 at 2:57 pm — Responder

    Olá Rafa!! Muito obrigado pelas dicas! Foi as mais úteis que achei aqui no Google! Eu estou indo morar em Belém a partir de agosto, irei estudar na UFPA! Quais desses bairros você me indica?

    • 08/02/2019 at 7:07 pm — Responder

      Oi Guilherme! Que bom que gostou! Dê uma olhadinha nos imóveis no bairro de São Bras, que tem acesso fácil pra UFPA (muito ônibus) e fácil acesso ao restante da cidade. Boa sorte!

  18. 16/02/2019 at 5:56 pm — Responder

    Fiquei desanimado com os relatos, ainda mais no meu caso onde pretendo morar no Guamá ou regiões próximas a UFPA. Irei fazer mestrado em economia. Atualmente moro em Manaus e achei Belém parecido com aqui.

    • 19/02/2019 at 4:48 pm — Responder

      Parece um pouco mesmo, Vitor. Desejo boa sorte a você!!

    • Arianne
      04/05/2019 at 9:09 pm — Responder

      Rafa, sou de Belém, mas tenho muita vontade de sair daqui devido aos inúmeros problemas que ja sabemos, falta de segurança, empregos com salários muito baixos, etc. E a minha dúvida era que cidade das que vc ja morou tu me indicaria , levando em consideração as questões de empregabilidade e qualidade de vida.

      • 07/05/2019 at 10:16 pm — Responder

        Ola Arianne! A cidade com melhor qualidade de vida que morei foi Natal, em compensação os salários são super baixos e tem poucas opções de emprego. Sinceramente é muito difícil responder sua pergunta, pq quando tem um, não tem o outro. 🙁

  19. Roberta
    19/02/2019 at 4:29 pm — Responder

    Oi Raffa, sou paraense, mas moro fora à muitos anos e estou querendo voltar pra Belém. Vc falou dos bairros Marco, Pedreira e São Brás. Vc sabe me dizer algo sobre o bairro Marambaia e Parque Verde? Aguardo resposta!!!!
    Meu São 27-99938-0777
    Roberta

    • 19/02/2019 at 4:54 pm — Responder

      Oi Roberta, Parque Verde não conheço, Marambaia conheço um pouco. Tem comércio forte e bastante ônibus. Os preços são mais em conta. Em compensação não é dos bairros mais seguros…

  20. Milena
    20/02/2019 at 5:55 pm — Responder

    Boa tarde Rafaella, gostei muito do seu post. Estamos mudando p Belém, meu esposo vai trabalhar no Hospital Ophir Loyola que fica em São Brás. Andei vendo uns apartamentos gostei muito de um q fica no bairro Cremação e vi q vc não citou ele. Você sabe me falar algo sobre. Vi q ficaa a menos de 2 km do hospital e vi q vc falou bastante do trânsito. Obrigada!! 😉

    • 20/02/2019 at 7:45 pm — Responder

      Oi Milena! O bairro é ótimo pra quem vai trabalhar nesse hospital, é bem pertinho. Tenho uma amiga próxima que morou lá a vida toda e gostava. Um abraço e boa sorte!!

  21. Milena
    20/02/2019 at 6:04 pm — Responder

    Fica logo em cima entre Nazaré e São Braz.

  22. Milena
    20/02/2019 at 7:50 pm — Responder

    Boa noite Rafaella, gostei muito das suas dicas e do blog. Mas ainda tenho bastantes dúvida e queria ver se consegue me ajudar. Estamos nos mudando agora para Belém, andei pesquisando apartamentos e gostei bastante de um que fica no bairro Crmação, fica logo em cima próximo( no meio) a Nazaré e São Braz. Como meu esposo vai trabalhar no Hospital Ophir Loyola vi que fica a apenas 1,7 lm do hospital. E cm vi vc falando bastante do trânsito estamos preferindo algo mais perto realmente. O que vc me diz dessa localização? Muito obrigada e parabéns pelo blog. 😉

  23. Milena
    21/02/2019 at 5:52 pm — Responder

    Ai que bom Rafa, muito obrigada pela dica!!! Gostei tanto do ap, mas via q ele n ficava entre os mais seguros e estava receosa!!! Breve voltarei aqui em buscas de mais dicas!! Deus abençoe!!
    ???

  24. Thaciana
    03/03/2019 at 6:57 pm — Responder

    Mana,acho que tens que te informar mais sobre belem,sou de lá e vivia muito bem,minha mãe veio pro RJ estou apenas 3 meses aqui e nao pensei duas vezes,vou voltar para Belém,pois lá o custo de vida e mais acessível, violência bem menor do que aqui.

    • 06/03/2019 at 6:22 pm — Responder

      Oi Thaciana, na verdade sou natural de Belém e a maior parte de minha vida morei lá e em diversos bairros – bons e ruins. Meu relato é baseado na minha experiência na cidade. Opiniões são sempre pessoais e por isso entendo seu posicionamento. Quanto ao custo de vida, em Belém é de fato bem mais acessível que o Rio…

  25. 09/03/2019 at 2:06 pm — Responder

    Olá Rafa!!! Adorei o post e gostaria de saber, qual a sua opnião sobre o calor de Belém! Chega a ser pior do que o do Rio de Janeiro?

    • 09/03/2019 at 5:33 pm — Responder

      Kelly, o Rio no verão é bem mais quente que Belém, em compensação em Belém é quente o ano inteiro (e úmido!) rsrs

  26. Fernando
    13/03/2019 at 2:21 am — Responder

    Oi Rafaella, excelente post. Sou do RJ, recebi convite para trabalhar em Belém, caso eu vá, meu filho ira estudar no colégio militar, no bairro do Souza. Me indicaram morar neste bairro.
    A outra questão e que minha esposa é nutricionista, então tera que procurar trabalho em Belém.

    Se puder dar umas dicas, ficaremos muito agradecidos.

    • 13/03/2019 at 9:48 am — Responder

      Oi Fernando! Boas escolhas! Seu filho terá fácil acesso à escola e a escola militar de lá é muito boa. Quanto a emprego pra nutricionista não sei lhe informar muita coisa. Fique de olho nos sites de recrutamento e mande o CV para os hospitais da cidade (Porto Dias e Saúde da Mulher são alguns).

  27. Marcio l oliveira
    21/03/2019 at 7:11 pm — Responder

    Desculpe por alguns erros de digitação ! ?

  28. José Carlos
    24/03/2019 at 9:26 am — Responder

    Olá ! Bom dia !
    Vi o seu “post” e achei muito interessante.
    Prestarei um concurso para trabalhar em Belém.
    Sou natural do interior de SP, casado e tenho 1 filho de 9 anos.
    O salário par ao cargo é muito bom.
    Diante das informações do “post”, você acha que vale à pena toda esta mudança.
    Você acha que é possível viver bem e ser feliz em Belém ?
    Grato pela atenção.

    • 25/03/2019 at 9:46 am — Responder

      Olá José Carlos! É super possível sim! Tenho muitos familiares e amigos que vivem bem e são felizes lá (acho que isso é algo muito pessoal, pois se a pessoa não tá bem consigo mesmo não ficará bem em lugar nenhum). Porém, como quase toda capital de nosso país, o trânsito é bem carregado, problemas de violência são bem frequentes e provavelmente o custo de vida seja mais caro que o da cidade que você mora atualmente. Desejo boa sorte a você!

  29. Livia
    26/03/2019 at 7:26 pm — Responder

    Eu Moro em Belém há dois anos e não vejo a hora de ir embora… Eu sempre utilizo a seguinte frase: Aqui eu não vivo, eu sobrevivo. Meu emocional chora por morar aqui, mas meu racional sabe que precisamos estar aqui pq o emprego que temos nos paga bem e com isso nossas filhas estudam nos EUA. Mas há muitos sacrifícios pra que eu tenha conseguido suportar morar aqui. Quem tiver outra opção eu sugiro não vir. Saneamento não há nem mesmo em área nobre, que pra mim nem existe área nobre aqui, pra mim parece que tudo é periferia. A cidade fede, por não ter Saneamento. Nosso carro é blindado… Enfim, outra frase que sempre falo é… Belém não é para amadores, Belém é para os fortes! Se tivessem sido bem sincero comigo antes de eu vir, eu não teria vindo. Por isso eu sou bem sincera sobre falar daqui.

    • 27/03/2019 at 12:42 pm — Responder

      Olá Livia, confesso que fiquei bem triste com seu comentário. Eu vivi em Belém 21 anos e não tive essa mesma experiência que você. A cidade fede? Meu bem, até Veneza fede. A Marginal fede. O Bósforo fede. Acho que temos que tirar proveito do melhor que há onde moramos e onde temos a oportunidade de viver, trabalhar e garantir o ganha-pão de todo dia. Em Belém têm inúmeros problemas, de fato, mas também tem bastante coisa boa, que não sei se vale a pena falar aqui. A julgar pelo seu sentimento negativo pela cidade e pela experiência, talvez tenha se fechado pra isso. Carro blindado? Desculpa, mas onde vc mora? rs (fiquei curiosa). Não digo que não seja necessário, mas a nível Brasil, pelo menos em todas as cidades que já morei – e já foram muitas – acaba sendo tudo farinha do mesmo saco. Desejo felicidades e que você encontre a paz, aí ou em outro lugar. Abraços.

    • Silvia
      04/01/2021 at 4:29 pm — Responder

      VC foi morar em Belem a trabalho?

  30. Camila
    23/04/2019 at 2:57 pm — Responder

    Olá, amei suas dicas! Você conhece a escola Centro Educacional Kyoko Oti? Sabe me dizer se é um bom colégio? Obrigada

    • 23/04/2019 at 5:06 pm — Responder

      Olá Camila! Que bom que vc gostou! Infelizmente não conheço essa escola que você perguntou. Um abraço!!

  31. Rosane tavares
    14/05/2019 at 9:23 am — Responder

    Gente amei esses post de vocês contando historia, eu moro atualmente em manaus, e pra me a cidade de manaus e um ótimo lugar para se mora, tem muito empresas, bons salarios, meu marido tinha recebido uma proposta pra ir trabalhar em belém, mais com todas as informações que tive aqui resolvemos não ir, por conta da segurança , bem que em todo lugar do Brasil é assim, mais onde eu moro que no caso é em Manaus, pra me é um lugar maravilhoso, de facil acesso, eu so fui assaltada uma vez em todo o meus 22 anos morando aqui. Quero dizer que amei o seu post Rafa, e desejo tudo de bom a todos.

    • 14/05/2019 at 9:50 pm — Responder

      Olá Rosane! Fico muito feliz que tenha gostado do post!! Desejo muitas felicidades a você e coma muito pirarucu por mim 🙂

      • Moisés Augusto Badô
        03/07/2019 at 12:20 pm — Responder

        Eu sou de Africa, mas pretendo viver nessa cidade por isso quero saber mais sobre essa cidade, se alguem tem mais informacao q me ajude, Julia Soares seu comentário me da um pouco da noção, quero mais!!!!

  32. Marcos
    22/05/2019 at 7:45 am — Responder

    Opa Rafaella tudo bom? Ótimas as dicas que você passou, sinceramente as mais completas que já achei pela internet realmente. Eu sou do Rio e tenho família para Belém e temos planos para mudar pra lá.

    A dúvida que tenho é sobre Ananindeua. O bairro Cidade Nova, o que sabe sobre? É um lugar bom para morar assim como os citados? Perigoso? Um bom custo-benefício como já ouvi falar? Sei que é um bairro rodeado de supermercados, comércios e farmácias quando o visitei, além de ser melhor asfaltado. Existem outros bons bairros para residir por lá também?

    • 26/05/2019 at 11:55 am — Responder

      Olá Marcos, conheço pouco da Cidade Nova, mas isso que vc falou é vdd: tem muito comércio, farmácia, supermercados, etc. Vc encontra boas casas e apartamentos lá, mas o trânsito até o centro de Belém, por ex, é bem ruim, além de não ser um bairro muito seguro (em Belém na vdd quase nenhum é…). Desejo-lhe boa sorte!!

    • Patricia Silva
      18/06/2019 at 11:35 pm — Responder

      Olá Marcos, nem sei se você ainda precisa de respostas para essa pergunta, mas vou tentar responder com o que sei:

      Na verdade o bairro é Coqueiro (mas as pessoas chamam de Cidade Nova) e ele fica no município de Ananindeua que faz parte da Região Metropolitana de Belém e é a segunda maior cidade do Pará, com meio milhão de habitantes. As duas cidades se conurbaram e quase parecem uma só. Nasci em Belém mas moro no bairro do Coqueiro há 33 anos. Esse é o bairro mais populoso de Ananindeua.

      O bairro é formado por 9 conjuntos habitacionais: Cidade Nova I ao IX e Guajará I – e foi projetado pela COHAB (há quase 50 anos), com quadras e terrenos padronizados, com cada terreno tendo em média 200 metros quadrados (20 de comprimento x 10 de largura), com exceção da Cidade Nova V cujos terrenos são maiores. Um dos motivos de nunca termos saído daqui é esse, aliás: nossa casa é maravilhosamente espaçosa para 5 pessoas e 2 gatos.

      As Melhores Cidades Novas são as mais próximas da saída do bairro, pois é onde se concentram serviços diversos e entretenimento, além de ser rota de várias linhas de ônibus que ligam o município à Belém: Cidade Nova I, II, III, IV, V e início da Cidade Nova VIII (onde fica a UPA do bairro). Alguns trechos das Cidades Novas V e VI próximos à Av. Arterial 18, também são boas opções. Ponto negativo: ônibus lotados pela manhã, quando todos estão indo trabalhar ou estudar e no retorno à tarde/noite. O aluguel não é barato: R$ 800,00 no mínimo, dependendo do entorno.

      Recentemente uma nova via foi concluída (Av. João Paulo II) que melhorou bastante a locomoção entre Cidade Nova e centro de Belém. Um percurso que chegou a demorar mais de 1 hora e 40 minutos por exemplo, consegui fazer, de carro, em 45 minutos. É claro, dependendo do horário. A outro opção de saída é a BR-316 que se resume a: engarrafamento, caos, engarrafamento, caos (já mencionei?) em horários de pico.

      Antigamente as pessoas só moravam na Cidade Nova e faziam todo o resto em Belém (estudar e trabalhar), mas há muito que esse quadro mudou, já que o bairro cresceu e hoje há várias opções de lazer como cinema, shopping, balneários em outro locais de Ananindeua ou Marituba (cidade vizinha), restaurantes, escolas de idiomas, escolas particulares com preparação altamente focada em aprovação no vestibular (e por isso um tanto caras também), faculdade particular enfim… digamos que tu podes viver aqui sem nem precisar ir tanto à Belém. Mas acabamos indo porque…é Belém né? Sempre há muito mais para se fazer em Belém.

      Sim, há supermercados, lojas de construção, farmácias, hospitais, hospital veterinário, feiras, academias, clínicas de fisioterapia, creches, escolas infantis, vários serviços e cada vez aparecem mais. É um bairro que cresce e oferece cada vez mais opções aos moradores. A coleta de lixo é regular até o presente momento.

      Segurança: Acredito que os cuidados que tomamos é o mesmo que vejo todo mundo comentando sobre viver em outras cidades do Brasil. 33 anos morando aqui e minha mãe eu nunca fomos assaltadas (na verdade nem mesmo em Belém). Meu pai já foi assaltado em Belém, nunca foi assaltado em Ananindeua e com meus irmãos foi o inverso…enfim. Horários com pouco movimento (à tarde 13-15:00 ou à noite 21:30 em diante) o cuidado deve ser redobrado, mas de novo: já precisei sair de casa, diariamente às 4:00 da manhã, voltando às 23:00 (só ando de ônibus) e nunca me aconteceu nada, mas foi a MINHA experiência.

      Trabalho: Não posso te informar tanto pois faço Medicina e com uma profissão que tem empregabilidade de 97%, não dá para servir de base para outros trabalhadores autônomos. Estamos precisando muito de médicos no Norte do Brasil, aliás.

      Concluindo: acredito que a Cidade Nova é uma área quase que “nobre” de Ananindeua. Variedades em serviços acabaram se concentrando por aqui e há muitas pessoas de classe média que aqui residem. Maiores problemas são: distância do centro da capital e a violência encontrada no Brasil em maior ou menor grau. Espero ter contribuído um pouquinho.

      Ótimo site para saber o que acontece no cenário cultural de Belém:
      //www.sympla.com.br/eventos/belem-pa
      //www.guiart.com.br/ [site em manutenção mas disparado o melhor na divulgação de eventos/shows/exposições em Belém]

      • 23/06/2019 at 9:49 am — Responder

        Obrigada pela participação!!! Adorei seu comentário, com ctza vai ser muito útil pra outros leitores 🙂

  33. KATLHEN SALES
    19/06/2019 at 3:04 am — Responder

    O Bairro Jurunas, vc recomendaria ? Irei passar 12 dias em Belém, embarco semana que vem. Estou na dúvida em relação ao local.

    • 23/06/2019 at 10:15 am — Responder

      Oi Katlhen, o bairro não é muito longe do centro, porém é um dos mais perigosos DEPENDENDO da área. Como vc não conhece, eu sugeriria que optasse por outro. Um abraço e boa viagem!

  34. Guilherme
    01/07/2019 at 2:54 pm — Responder

    Olá, Rafa.
    Ótimo post! O mais explicativo que encontrei, está ajudando muito minha avaliação de uma oportunidade em Belém.
    Você sabe me dizer se existem opções de apartamentos mobiliados para alugar (Flats) próximo ao bairro “Batista Campos”?
    Se sim, na faixa de quanto seria o aluguel de um flat de 1 quarto?
    Obrigado.
    Abs.,

    • 07/07/2019 at 5:23 pm — Responder

      Oi Guilherme, que bom que gostou do post! Pra saber média de preços sugiro que olhe sites como OLX, Viva Real e Zap Imoveis. Um abraço e boa sorte!

  35. Leandro
    24/07/2019 at 1:23 am — Responder

    Boa noite. Vou ter que passar dois meses entre Belém. Vou ter que estudar no CIABA ( centro de instrução almirante Bras). Vou com minha esposa e filho de 2 anose, gostaria que você me indicasse Onde ficar? Obrigado.

    • 27/07/2019 at 9:57 am — Responder

      Oi Leandro, o ciaba fica em Icoaraci, bem distante do centro. Não é uma região com hotéis próximos. O ideal é vc procurar um apartamento no Airbnb na região da Arthur Bernardes, porém já aviso que não é uma região muito segura se pensa em andar a pé a noite.

  36. Magda Alves
    02/08/2019 at 11:43 am — Responder

    Rafaella, – sabe tudo! Ler seu post me remeteu a Belém e redondezas, rrs por lá morei por quase 2 anos e meio, saudades muitas dos frutos do mar. Mas a moradia e o calor em si, desanimam. Voltar a passeio é a opção! rsrsr Um abraço!

  37. Vanessa Da Mata Queiroz
    14/10/2019 at 9:46 am — Responder

    Olá Rafaella!
    Você foi perfeita em suas considerações. Resido em Belém há um ano e não vi um post mais explicativo e honesto do que esse. Também foi tudo que vi, senti e vivenciei. Parabéns!

  38. Fabiano
    16/10/2019 at 11:28 am — Responder

    Olha, sou gaúcho e morei em Belém de 2000 até 2004 quando voltei para o Sul. Sou suspeito em falar porque as melhores coisas que me aconteceram na vida deram-se em Belém. Eu amo Belém, mesmo sendo gaúcho. Costumo dizer que metade do meu coração é paraense.
    Olha, a questão da violência é muito relativo em nosso país. De Norte a Sul vivemos basicamente o mesmo dilema: insegurança!
    Em relação a custo de vida ao contrário do que já foi no passado, Bélem tem o mesmo custo do Rio Grande do Sul, com pouquíssima oscilação em alguns artigos.
    O grande problema de Belém é o emprego que é escasso,mas com o tempo tudo se ajeita. Todavia, um bom lugar para empreender, tenho amigos gaúchos que se deram muito bem em Belém com Hospedagem e alguns outros nichos.
    Em um futuro próximo quero voltar a morar em Belém, apesar de tudo a qualidade de vida é bem interessante, dependendo do que se valoriza.
    A capital da Amazônia é tudo de bom, e o povo extremamente hospitaleiro.
    Amo essa gente!!!

    • 16/10/2019 at 9:51 pm — Responder

      Que legal ler seu comentário!! Seja sempre bem-vindo a Belém 🙂

      • Karine
        17/11/2020 at 10:35 pm — Responder

        Oii. Abriu concurso para Polícia Civil aí no Estado, sou de Natal , você acha que vale a pena arriscar o concurso? Me falaram que é muito perigoso para policial entre outras coisas. Estou com bastante receio. Qual seu conselho? Hehehe. ?

        • 24/11/2020 at 8:42 pm — Responder

          Olá Karine! Acho sinceramente que ser policial é perigoso em qualquer lugar. Não vejo muita diferença entre ser policial em Belém ou Natal. Se você sonha com essa carreira, vá em frente e aproveite! Boa sorte! 🙂

  39. Taiguara
    31/10/2019 at 10:15 am — Responder

    Obrigado por esse post!

    Tinha visitado Belém uma única vez, brevemente, e não estava muito certo sobre tentar sair do Rio pra lá. Acabo de me decidir por ficar mesmo.

  40. 05/04/2020 at 2:24 pm — Responder

    Oi Rafa, tudo bem?
    o que você acha do bairro Jurunas e Campina? indicaria para morar? tem alagamentos?

    • 06/04/2020 at 8:13 am — Responder

      Olá Sandra! Campina é o bairro conhecido como “centro”, então geralmente é muito movimentado durante o dia e bem vazio à noite. Eu, particularmente, não acho uma boa ideia (e sim, algumas áreas alagam, pois o bairro está próximo ao rio). Jurunas, dependendo da área, é tranquilo de morar, porém em determinados lugares é bem perigoso. Boa sorte!!

  41. Alessandra Stremel Pesce
    28/09/2020 at 6:13 am — Responder

    oLÁ, GOSTEI MUITO DO SEU POST. estou mudando para belém e gostaria de saber se bairros como parque verde e canudos são bons

    • 30/09/2020 at 2:03 pm — Responder

      Olá Alessandra! Parque Verde confesso que não conheço. Canudos não está na lista dos melhores bairros, mas é um bairro não distante da região central. Boa sorte e sucesso!

  42. omar
    02/10/2020 at 11:19 am — Responder

    Rafaella, como vai?., Você pode falar um pouco de Marituba?., e um municipio pobre de Belem?., e distrito industrial?
    Outra coisa .., por curiosidade., o pessoal consome muito gelo por ai?., imagino que com o calor.., o consumo seja altissimo.
    abs, parabens pelo post.

    • 06/10/2020 at 9:04 pm — Responder

      Olá Omar! Sim, Belém é muito quente… gelo acaba sendo algo pra todas as estações! kkk. Marituba é um bairro da região metropolitana e em geral com bastante pobreza, porém há bairros muito tranquilos! Eu já morei lá quando novinha. Minha mãe tinha uma empresa pertinho do Hospital Divina Providência e morávamos bem em frente, era tranquilo. A melhor região, a meu ver, é na Praça Matriz, pois tem muito comércio, movimento o tempo inteiro e muita opção de transporte na BR-316. Um abraço!

  43. Luiza
    05/10/2020 at 2:17 pm — Responder

    Olá Rafa,
    parabéns pelo post, tem muitas dicas boas para quem está pensando em mudar para Belém.
    Para quem trabalha em Benevides/PA, compensa morar nesses bairros que vc listou?
    Estou pensando em uma proposta para essa região.
    Obrigada.

    • 06/10/2020 at 9:01 pm — Responder

      Olá Luiza! Acho que não compensa, pois fica bem longe! Melhor vc morar na região metropolitana que em Belém, o trânsito é pesado. Um abraço!

  44. Gevanildo Rais
    15/10/2020 at 2:37 pm — Responder

    Amei o post…a maneira como o assunto foi abordado…incrível, vvocê escreve bem demais. Sou paraense também e hoje moro em Goiânia-GO. Você descreveu Belém com exatidão. Parabéns

  45. Iraci Fidelis
    10/11/2020 at 5:28 pm — Responder

    Boa noite. O que tu achas do comércio de carro em Belém. pickup

    • 14/11/2020 at 7:32 pm — Responder

      Oi Iraci, não sei opinar quanto a isso. Desculpe não poder ajudar. 🙁

  46. CH
    27/11/2020 at 6:37 pm — Responder

    Boa noite Rafaella.
    Muito bom seu post.
    Pode me passar algumas informações sobre a cidade de BARCARENA.

    • 30/11/2020 at 7:05 pm — Responder

      Olá! Barcarena é uma cidade não muito longe da capital, onde muita gente trabalha e reside na capital fazendo bate-volta diário. Fui apenas uma vez à cidade, que me pareceu organizada. Há muitos funcionários das subsidiárias da Vale residindo por lá. O acesso é por balsa e de carro.

  47. Luiz
    11/12/2020 at 8:29 pm — Responder

    Olá Rafa!

    Gostei muito do seu site em especial esse artigo sobre Belém. Sou de Governador Valadares – MG, e estou pretendendo realizar o concurso da PM-PA e tenho 03 três dúvidas que gostaria de tirar com você.
    1ª – Pelo que li o custo de vida em Belém é elevado, se eu concretizar meu objetivo de ingressar como soldado meu salário vai ser em torno de R$ 4.000,00, dá para viver bem mais a minha namorada?
    2ª – Minha namorada é advogada, você sabe como é o campo para essa área?
    3ª – Em relação a qualidade de vida você me indicaria Belém ou interior?
    Desde já agradeço e parabenizo pelas publicações.

    • 12/12/2020 at 4:14 pm — Responder

      Olá Luiz! Primeiramente desejo boa sorte no concurso! 🙂 O custo de vida em Belém é um pouco elevado sim, mas se vc morar fora das zonas mais centrais consegue um custo de vida mais baixo. Um casal sem filhos consegue viver sim, sem luxo. Não sei te dizer como é o campo pra advogados, eu conheço muuuuitos em Belém, então acho que é um mercado saturado. A qualidade de vida no interior pode ser melhor, mas é tudo mais precário que na capital. Leve isso em consideração. Um abraço!

  48. Silvia
    04/01/2021 at 5:01 pm — Responder

    O Bairro Nazaré é bom?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.