Como chegar no Aeroporto Schiphol

easyHotel Amsterdam x easyHotel Londres

Fiquei hospedada em dois hotéis da rede easyHotel: em Amsterdam e Londres (para ler um review completo sobre o de Londres, destinei um post exclusivamente para isso). Eu confesso que sou meio preocupada com hosteis (albergues), principalmente no quesito limpeza, e por isso geralmente opto por hotéis, mesmo que simples. Nos dois tive sorte, e considero hospedagens que possuem um bom custo-benefício. Porém, notei diferenças que valem a pena ser compartilhadas aqui:

IMG_6109

easyHotel Amsterdam

IMG_6107

easyHotel Amsterdam

  • O de Londres em geral é ligeiramente melhor:

Não que o easyHotel Amsterdam não seja bom, mas pelo preço conseguiria outros hotéis na cidade, cuja hospedagem não é tããão cara quanto Londres. Paguei €64,00/dia através do site hotéis.com.

  • O quarto:

Fiquei hospedada num quarto duplo e possui outro formato do de Londres. Mas em termos de “o que tem em um que não tem no outro” a única diferença é que o de Amsterdam tinha uma televisão (€5.00 por dia de uso).

  • Ar condicionado:

O ar condicionado não funcionou tão bem quanto o de Londres, mas não tivemos problema pois à noite a temperatura estava bem agradável na cidade (por volta de 15ºC).

  • Banheiro:

A disposição do banheiro também é diferente (pros nossos padrões). Porém gostei mais do de Amsterdam, pois não molhava todo o banheiro quando tomávamos banho.

  • Limpeza:

O de Londres levou a melhor. Não achei meu quarto suficientemente limpo e reclamei na recepção, assim como pedi para trocar as toalhas (chatona né? nesse dia eu estava com a macaca!). Porém, fizeram uma limpeza no meu quarto (sem custo adicional) e me deram toalhas novas sem problemas.

  • Internet:

Ao contrário de Londres, esse hotel não disponibiliza wi-fi na recepção. Se quiser, precisará pagar uma taxa €5.00 por dia de uso.

  • Outros serviços:

O hotel disponibiliza café e outras bebidas de máquina para compra e além disso aluguel de bicicleta – para quem deseja se sentir um verdadeiro amsterdamês. Pra quem deseja o serviço, pelo menos a do hotel tem freio (€15.00/dia). Achou caro? Pois saiba que todo mundo aluga! Quando fui olhar quase não tinham mais bicicletas disponíveis…

IMG_6114

Bicicletas com freio. Luxo?

IMG_6110

Área da recepção: máquinas de serviço, mapas e guias à disposição.

Aconteceu um fato que não deveria ter acontecido com nosso amigo Marcelo. Ele fez uma reserva meses antes de viajar e a pagou no ato. Quando estávamos na semana da viagem, ele procurou a confirmação e não encontrou – daí fez outra e pagou novamente. Sem sucesso no estorno de uma das duas reservas (ambas eram sem direito a cancelamento), ele pediu alguns serviços do hotel sem que fosse cobrado: wi-fi, guarda de bagagens, late check-out. Apesar de não estarmos no mesmo quarto, guardamos nossas bagagens junto com a dele e não pagamos por isso. Mas se precisarem guardar, paga-se uma taxa que não me recordo exatamente quanto (menos de €5.00).

Lembrando que ao fazer a reserva por esse link você foge do IOF, paga em reais, não paga nada a mais por isso e ainda ajuda a amiga aqui! 🙂 
  • Localização:

Apesar de não está grudado nos pontos turísticos, fica numa área bem tranquila da cidade e com várias opções para tomar café pelas redondezas. Fica localizado a 1,1 km do Rijksmuseum, 700m do Heineken Experience e 1,4km do Museu Van Gogh. Deu pra perceber que não é longe né? Conforme dito em post anterior, só precisamos utilizar o transporte público uma vez, o resto percorremos tudo caminhando.

O aeroporto está localizado a aproximadamente 14km do hotel, e a opção mais cômoda e barata de chegar até ele foi no ônibus nº 197. Um jeito fácil de encontrar o ônibus é ir para as redondezas da Concertgebouwplein, com certeza você verá pessoas com malas no ponto de ônibus. OBS: Se você tiver muita mala, só vá de ônibus mesmo se quiser economizar, pois não tem bagageiro. Duração até o aeroporto: aproximadamente 30 minutos. Preço: €5.00 (valores de 2014).

IMG_6116

Terminal de ônibus do Aeroporto Schiphol

IMG_6119

Aeroporto Schiphol

Se precisar de alguma outra informação, é só perguntar!

Beijos!

Post que pode interessar: Amsterdam: um lugar pra ir ao menos uma vez na vida